Guia de E-commerce: o carrinho da sua loja online não é um lugar silencioso

3 Maio, 2018
Posted in E-commerce
3 Maio, 2018 admin

O guia de E-commerce da digitalgreen reúne os pontos essenciais para aumentar o volume de vendas do seu negócio online de forma sustentável a longo-prazo. A desaceleração dos resultados assusta qualquer empresário e os picos de vendas não chegam para garantir a viabilidade de uma  marca digital. O carrinho cheio e vendas concluídas são o sonho de todas as lojas online. Continue a ler para acelerar o seu projeto de projeto de E-commerce.

As fases do lançamento de um projeto de vendas online

  1. Definição de preços e produtos para a loja online, organização, design, formas de pagamento e transporte, política de devoluções, campanhas de atração, tipo de comunicação e mercados, entre outros;
  2. Angariação de tráfego qualificado ao website;
  3. Conversão desses utilizadores em compradores.
  4. Fidelização de clientes.

Angariar, converter e fidelizar são três pilares de negócios digitais. O carrinho de compras vazio e a desaceleração de crescimento das vendas são os protagonistas de um filme de terror, em que o silêncio é o verdadeiro vilão.

De acordo com os dados da plataforma ‘Tudo sobre eCommerce’, quando um projeto atinge um volume de faturação na ordem dos 6 dígitos pode ser confrontado com dificuldades em continuar a sua rota de crescimento. Como acelerar o seu negócio online? O guia de E-commerce da digitalgreen dá algumas sugestões. No entanto, não damos um guião fechado e que pode ser replicado infinitamente.

Leia também: RGPD e as PME: ‘A minha empresa está preparada?’

Saiba como:

– Vender mais a cada um dos clientes;

– Atrair mais clientes;

– Aumentar o número de vendas; e

– Aumentar os clientes fiéis à sua marca.

O guia de E-commerce para o seu projeto online

Ponto 1. Vender mais a cada um dos clientes

Vende regularmente mas o valor médio de cada encomenda é baixo? Isso significa que a estratégia a desenvolver deve estar focada no aumento da fatura média por cliente. Sugestões:

  • Oferta dos portes de envio acima de determinado valor (considerar sempre localização);
  • Oferta especial em encomendas acima de x valor;
  • Estrutura da loja online: apresentar produtos relacionados ou que são frequentemente comprados juntos.
Ponto 2. Atrair mais clientes

A taxa de rejeição revela o número de utilizadores que não têm potencial de conversão. Foque-se nos visitantes que pode transformar em clientes e, posteriormente, fidelizar. As campanhas de marketing precisam de angariar visitas, mas sem descurar indicadores como a taxa de rejeições. Sugestões:

  • Campanhas em Google AdWords.
  • Desenvolvimento de produtos próprios – SEO.
  • Celebração de parcerias.
Ponto 3. Aumentar o número de vendas

O número de vendas não depende da sorte. O ecossistema digital está repleto de oportunidades e que são convertidas em valor se forem exploradas. Preste atenção ao potencial à sua volta e agarre os detalhes:

  • Campanhas em Google AdWords (outra vez).
  • Aposta contínua em conteúdo relevante, exclusivo e evergreen.
  • Marketing automation.
  • Rapidez de carregamento do website.
  • Presença clara e objetiva nas redes socias.
Ponto 4. Aumentar os clientes fiéis à sua marca

O custo de adquirir um novo cliente pode ter um custo 25 vezes maior do que o custo de fidelização de um cliente. Está a realizar as ações necessárias para garantir que os clientes voltam? Sugestões:

  • Investir em ações especiais de fidelização online;
  • Criar personas para identificar potenciais clientes, com características semelhantes;
  • Vantagens exclusivas para clientes com relações duradouras.

Leia também: Marketing B2B: como criar personas e fidelizar clientes

6 verbos para o seu negócio online não estar mudo

1. Cantar: reduza a burocracia

Enquanto gestor ou empresário, a experiência digital que proporciona aos seus clientes é agradável, intuitiva e confortável? Se a finalização da compra exige um registo com mais de uma página, outra janela que redirecione para o cálculo dos portes, mais uma para um checkout externo, outra para escolher a transportadores, e por aí adiante? O excesso de burocracia leva o consumidor a desistir da compra e mina compromissos.

Garanta um registo simplificado e rápido, mas negligenciar a inovação. A compra e a cedência de dados pessoais são momentos sensíveis de negociação. O checkout express é um ótimo procedimento. Finalizar a compra sem criar uma conta pode trazer resultados positivos.

O feedback é fundamental neste processo. O ponto-alto da serenata passa por mostrar vontade em saber a opinião dos seus clientes e partilhar testemunhos.

2. Sorrir: demonstre que o seu negócio é seguro

Se a segurança é valiosa para as lojas físicas, torna-se obrigatória nos negócios online. Se o consumidor não sentir que o seu ambiente é seguro não irá concretizar a compra. De forma a conquistar esta credibilidade, pode investir em preciosismos como:

  • Instalação protocolo SSL.
  • Fornecer os contactos necessários para estabelecer relações.
  • Evidenciar a política de privacidade e a política de devoluções.
3. Falar: indique a política de envio e devolução

Qual é o procedimento em caso de devolução? Qual é a política de envio da marca? Estas questões devem estar claras na política do seu negócio online. Defina as condições e prazos de forma e, acima de tudo, disponibilize para o consumidor.

4. Partilhar: melhore o serviço e o valor dos portes

A ambição excessiva pode traduzir-se em portes com valores desfasados e decisivos na quantidade de carros vazios da sua loja online. É comum desistir da compra no momento em que a empresa indica o valor dos portes. Se trabalha com uma tabela padrão, torne-a acessível. Caso opte por uma ferramenta de cálculo automático, mediante a localização do comprador, deixo-o claro.

5. Ouvir: renove o website e ofereça vantagens

Manter a informação atualizada é nuclear para não gorar expectativas dos consumidores. As informações dos produtos e da loja devem ser revistos frequentemente. Avalie:

  • As imagens que utiliza.
  • Os impostos.
  • Preço do produto.
  • Portes.
  • Custo de garantia.
  • Promoções.
  • Meios de pagamento.
  • Entre outros.
6. Seduza: trabalhe o e-mail marketing e o remarketing

Estar em contacto sem recorrer a spam ou ser chato! O email marketing e o remarketing são excelentes formas de seduzir clientes e fidelizar. Sugestões:

  • Portes grátis;
  • Promoções exclusivas;
  • Métodos de pagamento específicos;
  • Bónus na próxima compra.

Leia também: A transformação digital das PME e os 4 gatilhos dos ecossistemas digitais

Guia de E-commerce - o carrinho da sua loja online não é um lugar silencioso

Viajamos à volta do mundo e encontramos as melhores tecnologias para conceber e lançar lojas online. Dia adeus aos cestos vazios e carrinhos de compras abandonados. Os projetos de E-commerce da digitalgreen apresentam experiências digitais ricas e aproveitam os riscos para desenvolver oportunidades. Oferecemos soluções em E-commerce direcionadas para o lançamento de lojas online e aceleração de negócios digitais.

Tem um projeto de vendas na Internet? Fale connosco.

, , , , , , , ,